Notícias

Brasileiro aparece na cola do vice-campeão da Euroformula Open e já supera nomes de destaque na tabela de classificação

VOLTAR PARA LISTA COMPLETA


Depois de um final de semana de aprendizado em Ruapuna, Christian Hahn já começa a se firmar entre os principais nomes do Toyota Racing Series, torneio depré-temporada com carros de Fórmula 3 disputado na Nova Zelândia. Acelerando na rodada tripla de Teretona, o jovem piloto brasileiro patrocinado pela Blau Farmacêutica e Preserv conquistou um lugar no Top10 em todas as provas. Foi oitavo na primeira, nono na segunda e décimo na terceira.

"Já havíamos alcançado um Top10 na primeira etapa, mas me firmar entre os dez primeiros é uma realização muito grande. Ainda tenho muito para evoluir, mas já me sinto mais adaptado ao carro e ao estilo de pilotagem também. Estamos crescendo na competição, atingindo as metas que traçamos para estapré-temporada, e tudo isso me deixa bastante confiante para buscar posições ainda melhores na próxima etapa", disse Christian Hahn.

Com os bons resultados somados na pista mais curta do campeonato - apenas 2.570 metros - Christian saltou na tabela e ocupa agora a 11a posição do campeonato. Tem 185 pontos, apenas 19 a menos do que décimo colocado, o austríaco Ferdinand Habsburg, atual vice-campeão do Euroformula Open, categoria que o brasileiro vai disputar este ano, na Europa. Ele ainda aparece à frente de outras jovens promessas de destaque, como o australiano Luis Leeds, membro da academia de jovens pilotos da Red Bull (14o), e Shelby Blackstock, norte americano que compete na Indy Lights pela Andretti (12o)

As disputas em Teretona foram marcadas pelo tempo inconstante, o que acabou resultando em várias bandeiras amarelas e vermelhas ao longo do final desemana. Passadas as seis primeiras corridas do campeonato, apenas metade do grid de 20 carros ostenta a marca de ter completado todas as provas. Christian Hahn está entre eles.

"Foi importante enfrentar este tipo de situação, porque você aprende a cuidar do seu equipamento e fazer uma corrida cautelosa para manter seu carrona pista e somar pontos. E fazer isso sem deixar de ser competitivo, é um grande desafio. Na última corrida, por exemplo, consegui andar no mesmo ritmo do quinto colocado mesmo estando em décimo. Se fosse uma corrida um pouco mais longa, poderia ter chegado ainda mais à frente", finalizou Christian.

A próxima etapa do campeonato acontece em Hampton Dows, entre os dias 27 e 28 de janeiro. Confira a classificação do campeonato:

1- Richard Verschoor (Holanda) - 398 pontos

2 - Thomas Randle (Austrália) - 340

3 - Pedro Piquet (Brasil) - 307

4 - Jehan Daruvala (Índia) - 287

5 - Marcus Armstrong (Austrália) - 273

6 - Taylor Cockerton (Austrália) - 263

7 - Brendon Leich (Austrália) - 232

8 - Kami Laliberté (Canadá) - 223

9 - Enaan Ahmed (Inglaterra) - 222

10 - Ferdinand Habsburg (Austria) - 206

11 - 15 - Christian Hahn (Brasil) - 185

Português Inglês Espanhol Espanhol
+